Por Luiz Fernando R. de Sales*

*As manifestações publicadas neste espaço não refletem, necessariamente, a opinião do Blog do Gomes e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.

Acabou o sonho do hexa, derrota vexatória, por 7×1, diante de uma competente Alemanha, que de há muito vem se preparando para esse momento, a base desse time está jogando junto há praticamente 3 copas.

É claro que o objetivo é ganhar,  sagrar-se campeão, perder sempre é ruim, ainda mais com um placar elástico como foi, dentro de nossa casa, e diante de nosso torcedor. É triste, doído! Todavia, é preciso reconhecer que o adversário foi melhor, estava (e está) mais preparado. O Brasil tem bons jogadores, mas ainda não alcançou o nível de excelência que se espera de uma seleção pentacampeã do mundo. Só nos resta parabenizar o adversário por ter aproveitado bem as oportunidades que teve. É simples assim!

Nesse ínterim em que sofremos a maior derrota brasileira em mundiais, uma enxurrada de ofensas a presidenta Dilma alagou o facebook, muitas delas  questionam se valeu a pena investir tanto no mundial para ao final ser eliminado. Com todo o respeito a esse tipo de opinião, discordo!

Que culpa tem a Dilma pela eliminação do Brasil? o Governo Brasileiro conquistou, em 2007, o direito de organizar o mundial, nesse pacote, que eu saiba, não estava incluso a taça de campeão do mundo.

Além disso, durante os 90 minutos de jogo, não me lembro de ver Dilma em campo correndo, ou perdendo gols, dando vacilo na saída de bola. É preciso separar as coisas!

Perdermos, sim (e feio, bom que se diga), mas por culpa de nossos jogadores, de nossa comissão técnica etc, não da Dilma.